Buscar
  • Rodolfo Bontempo

Festa Cigana da Pestalozzi foi marcada pelo sucesso


A nova direção da Associação Pestalozzi foi extremamente feliz ao conceber uma Festa Cigana para angariar recursos para a entidade, que passa por um grande esforço de recuperação administrativa e econômica. A festa, realizada no sábado, dia 7, contou com um bom público na sede da entidade e agradou em cheio aos presentes, que além de cooperarem com a associação se divertiram bastante. O nome por trás do sucesso da empreitada é o da professora aposentada Olga Regina Coelho. Vassourense nascida na Fazenda São Luiz da Boa Sorte, Olga retornou ao município, recentemente, já aposentada. A festa foi marcada por danças variadas e contou com oraculistas, expositores, atrações gastronômicas e um grande baile. “Já fiz parte de um grupo de ciganos no Rio, mas depois que voltei para Vassouras, mantenho os contatos com caravanas, grupos e amigos de sangue e alma”, afirma Olga, que herdou dos ancestrais o sangue gitano e a vontade de divulgar a cultura de seu povo. A festa de Vassouras foi a 16ª organizada por Olga, que dirigiu no Rio o grupo Estrela Matutina, fundado por ela. “Foi um imenso prazer ter sido convidada para fazer esta festa em prol da Pestalozzi. Abracei a causa, foi muito gratificante”. O público gostou bastante, com destaque para a dança do ventre, as danças ciganas, o ritual da fogueira cigana e dos quatro elementos, além da procissão de Santa Sara Kali e Nossa Senhora Aparecida. “Nossas festas sempre foram fechadas a famílias e as caravanas. Foi a primeira festa aberta ao público e deu muito certo, pretendo continuar. No Rio, meus amigos ciganos também organizam festas beneficentes. Formamos uma grande caravana de solidariedade. Estamos sempre em sintonia”. Forró com feijoada – Feijoada com samba já é tradição, mas desta vez o prato mais característico do estado será servido com forró em nome da solidariedade à Pestalozzi Vassouras. No feriado de 15 de novembro, a Pestalozzi Vassouras organiza uma feijoada que será servida na quadra da escola de samba Unidos do Madruga. Na sequência, show do cantor Claudinei, conhecido como “a potência do forró”. Assim como a festa cigana, a renda com a feijoada e o forró será revertida para a Pestalozzi. Os ingressos custam 15 reais ( feijoada e forró) ou 10 reais, para quem for chegar depois da feijoada para curtir apenas apresentação de Claudinei.

45 visualizações

TRIBUNA DO INTERIOR EDITORA LTDA. Registro  Estadual nº 3320598969-9

Inscrição Municipal nº 6813 L 115 - CNPJ 02.528.144/0001-40

Registro na ADJORI – RJ 78 

Redação, Administração e Oficinas – Rua Profº Marcelo de Alcântara Pinto, 173,

Telefone: (24) 2471-7822

Parque J.K., Vassouras - RJ - CEP 27.700-000

Contador de acessos